Tenha Cuidado

Metrô de Paris: o que acontece se o fiscal lhe pega sem o ticket?

Olá, Viajante!

Como o trânsito de Paris é caótico, para mim o METRÔ é a melhor forma de deslocamento quando as distâncias são médias ou grandes.

E como todo país desenvolvido, em Paris a maioria das pessoas usa o metrô de acordo com as regras estabelecidas.

É claro que você vai ver gente pulando a cancela ou cometendo outros pequenos ilícitos. Mas essas pessoas são exceções.

No entanto, mesmo sendo uma pessoa correta é preciso ter cuidado com alguns detalhes, principalmente se o metrô sair de Paris com destino à outras cidades. Nesses casos, você poderá cometer um ilícito sem saber.

Para você não cair nessa, preciso lhe falar sobre a logística com os tickets de metrô parisienses.

Um dos tickets de metrô mais básicos vendidos em Paris é o que permite o uso conjunto do metrô comum e do RER (que é um trem que alcança distâncias maiores). Assim, com o mesmo ticket, você pode sair do metrô e pegar o RER.

Ocorre que o ticket parisiense é bem claro ao informar que essa operação só é válida dentro de Paris (ele diz “dans Paris“, ou seja, em Paris). De modo que se, por exemplo, você quiser ir ao aeroporto de Orly, você terá que comprar o ticket para o metrô de Paris e, em seguida, um outro para o aeroporto.

Outra coisa. Os preços desses tickets são bem diferentes: enquanto o ticket para andar em Paris custa 1,90 euros, para o aeroporto custa 12,10 euros.

Pois bem.

E o que acontece se você for pego sem o ticket correto?

Vou contar uma situação que eu presenciei quando estava indo de Paris a Versalhes.

O fiscal entrou no meu vagão e pediu o ticket para um casal de jovens. Eles apresentaram o ticket normal para se deslocar em Paris, e não o ticket para ir a Versalhes, o que viola as regras do metrô parisiense. O fiscal, evidentemente, disse que eles estavam com o ticket errado e eles responderam que não sabiam.

O fiscal, no entanto, disse que isso era irrelevante e aplicou uma multa na hora. O valor total da passagem + multa foi de 45 euros por pessoa. Bem salgado, não?

E o que você deve ter cuidado?

No caso do RER que vai de Paris a Versalhes, você deve saber que ele também se desloca apenas por Paris, de modo que é possível que existam pessoas com dois tipos de tickets: os comuns, que servem apenas para o deslocamento em Paris, e o que vai para Versalhes (ou seja, sai de Paris).

E como não é possível saber para onde você vai, a cancela permite a sua passagem com qualquer um dos tickets.

Isso não acontece, por exemplo, no deslocamento para o aeroporto, onde a cancela não abre se você não tiver um ticket específico.

Em resumo:

Se você vai sair de Paris lembre-se de comprar o ticket correto para se deslocar a outras cidades.

Mas atenção:

Quanto à multa, o fiscal imprime a autuação na hora e esta nota serve como seu ticket.

***

É isso. Espero que você tenha gostado da dica.

Deixem suas dúvidas e contribuições nos comentários.

*O blog esteve em Paris em jul/2016 e jul/2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: